• Carol Salgado

O empreendedorismo dentro em si

Por que empreender? Para desbravar um universo desconhecido, busca por autonomia, organização, novas possibilidades de ganhos financeiros e até mesmo uma grande frustração pode ser um propulsor de mudanças. A grande lacuna muitas vezes não partilhada é que, ao buscar um empreendimento muito se pensa sobre as questões práticas da dinâmica organizacional antes mesmo de refletir que essa busca pelo novo pode muitas vezes te levar a grandes lugares muito íntimos que você precisa revisitar para expandir novas possibilidades e oportunidades de ser! Não, não é sobre dados, planilhas, organização financeira que também são muito importantes...É muito anterior a isso! Acredito que essa reflexão nos projeta a algo que não nos é ensinado muitas vezes desde criança. Aguçar nossa criatividade, estimular e acreditar na realização das práticas desde cotidianas as mais formais englobando nossos talentos. É sobre o despertar de potencialidades que você tem e ainda não sabe direcioná-las ou você nem imagina ter e que muitas vezes foram minados no decorrer da sua jornada. Algumas vezes participei do workshop sobre “Talentos” realizado pela maravilhosa coaching Mari Rocha na busca de algo que me despertasse para um propósito além da melhoria financeira e fuga de um trabalho violento dentro de uma grande instituição. Quando entendi que meu trabalho não era valorizado e inclusive meus talentos que perpassavam o bom acolhimento e a criatividade inclusive para solucionar problemas foram colocados e trancados em um grande baú para que eu entrasse na linha de produção grande parte de mim foi morrendo aos poucos. Pois, a criatividade exigida muitas vezes era somente pela busca de resultados e isso não necessariamente estava associado ao cuidado com o cliente e qualidade do trabalho apresentado. Todos os dias grandes empresas matam grandes artistas, que calam sua linda voz, minam sua criatividade e expansão para grandes projetos, seja dentro ou fora da instituição. Por isso é tão importante refletir sobre o que te motivou ou motiva a empreender, pois, nossas fragilidades estão diretamente ligadas a desconstrução de um modelo muitas vezes apresentado, sendo necessário dar espaço ao despertar e reconhecimento de nossos talentos e potencialidades. Já que empreender tem seu significado disposição, capacidade de idealizar, inovação, que, com certeza isso já está bem aí... em algum lugar! Para isso é importante se permitir trilhar esse grande despertar, voltar o foco inicialmente para você e entender por que empreender?   Ana Reis Sou uma mulher em constante construção e despertar da consciência, que desbravou as Ciências Sociais para entender seu lugar no mundo a partir do todo. E que precisou voltar para si e mergulhar fundo e se conectar ao trabalho atual imensurável Doula na acolhida do melhor dessa vida a chegada um novo ser! E fotógrafa de parto e família no Fotografias que Pulsam, afinal nossas memórias afetivas são a parte mais bonita de todos nós. @doulaanareis @fotografiasquepulsam